João Felgar

Literatura

Jurado da Categoria 1 – Literatura (Subcategoria 1.2 – Conto)

Juíz durante quase duas décadas, João Felgar decidiu “parar para escrever”. Nascido em Moçambique em 1970, iniciou a carreira como magistrado aos 24 anos, tendo tomado posse como juiz na sua primeira comarca em 1997. Viveu em várias cidades e vilas do país, e passou dois anos nos Açores, até se fixar em Lisboa. Como observador eleitoral, andou por África, Asia e Médio Oriente, em lugares onde não se vai para fazer turismo. Em 2008 vai para Timor-Leste como juiz internacional, onde permaneceu por quatro anos e julgou autores de crimes contra a Humanidade. O que mais apreciava na sua profissão eram os julgamentos, considerando-os experiências muito intensas do ponto de vista humano… adorava ouvir as pessoas, conhecer as suas histórias difíceis e as múltiplas perspetivas de um mesmo acontecimento. No entanto, a maior parte do tempo é ocupada com burocracia e, assim, decidiu fixar-se em Lille (norte de França), para se dedicar de corpo e alma à sua verdadeira paixão: a escrita. “Terra de Milagres” é o nome do seu primeiro romance.